Nosso website utiliza cookies para tornar a sua visita mais eficiente e dar-lhe mais usabilidade. Eles são necessários para uma melhor funcionalidade do site e sem eles algumas áreas como menus, blocos ou slideshows não poderão ser exibidas.

On Screen Facebook Popup by BNA

Acompanhe e comente nossos temas diários no Facebook!
Curta, compartilhe, PARTICIPE!

Close

Saber ouvir


Hoje em dia somos dragados pela rapidez das informações, pela demanda de produzir, fazer e estar constantemente atualizados e informados sobre tudo. Nossa rotina se tornou robotizada. Nossas palavras, cada vez mais vazias de emoção. Nossos sentimentos, afetos e dores tamponados pelas tarefas do dia-a-dia, que devem a todo custo serem realizadas com ultra perfeição e ao máximo de nossa performance.

Em que se transformou o verdadeiro ato de se relacionar? Para onde foi a paciência e a disponibilidade real de ouvir o outro?

Um diálogo tranqüilo com uma pessoa onde haja compreensão mútua torna-se cada vez mais escasso. Quando foi a última vez que você conversou com alguém e que ao invés de competição nas entrelinhas - disputa pelo título do melhor argumento - houveram sincronicidade e interesses recíprocos?

Muito é admirado o dom da palavra daqueles que são bem articulados, cultos comunicadores inatos que não se perdem nem em seus pensamentos nem em suas palavras quando discursam. Porém muitos esquecem que ouvir também é uma arte.

Ouvir não significa apenas escutar ou simplesmente estar de corpo presente no momento em que o outro fala. Saber ouvir significa considerar, significa por um momento apenas tentar sair de sua própria pele a fim de procurar sentir o que o outro sente e deseja comunicar, e assim tentar abraçar sem julgamentos a experiência ou angústia alheia.

Por que casos de depressão em todas as faixas etárias e pessoas cada vez mais solitárias estão cada vez mais crescentes?
Por que as taxas de suicídio e divórcio nas grandes metrópoles aumentam sem controle?

Pense naquela pessoa que você ama, naquele amigo que você tanto gosta, você realmente o ouve? Notamos muitas vezes um sinal de tristeza ou preocupação marcando o rosto destas pessoas de nosso convívio mais próximo, mas estamos realmente dispostos a ouvir o que o outro tem a falar de sua dor? Por que sempre arranjamos tempo para criticar e julgar mas não para ouvir?

Para ajudar quem ama, nem sempre é necessário ter o melhor repertório de palavras e interpretações acerca do problema exposto pelo outro, muitas vezes basta ouvir com carinho, simplesmente compreender. Às vezes uma simples tentativa de compreensão, expressa o companheirismo e o acalento que quem sofre tanto precisa.

Quem nunca teve aquela sensação de estar tentando explicar algo para alguém e esta pessoa o interrompe justo no meio do fluxo de suas emoções e pensamentos com enxurradas de suas próprias opiniões que não fazem o menor sentido com a sua temática? Esse comportamento além de não ajudar, atrapalha, obrigando o sujeito engolir o restante de sua frase e conseqüentemente seus sentimentos que estavam prontinhos para serem postos para fora e trabalhados. Tão ruim quanto engolir de volta o que estava prestes a sair, é ter de digerir tudo novamente, desta vez se sentindo mais sozinho. Quem já não ouviu de alguém (ou quem já não disse!) um sonoro: "sim sim, já até sei o que você vai falar...eu te conheço!" Esse tipo de frase carrega o significado da desistência do outro, retira a possibilidade do outro em transformar-se em algo novo e evoluir, não deixando espaço para mudança e novas expressões do vir-a-ser.

Ao mesmo tempo que o silêncio assusta e é incomodo para muitos, nos esquivamos muitas vezes de nos comunicar não só por temer o conflito, mas também porque raramente sentimos que há alguém de fato disposto a nos ouvir. Relacionamentos terminam e pessoas se afastam pois não há escuta ou acolhimento mútuos, mas sim sucessivas críticas e emolduramentos do outro em moldes extremamente estreitos que são quase sempre correspondentes as próprias limitações psíquicas de quem o faz.

Este atropelamento nas palavras caracterizando a falta de disponibilidade de ouvir, engessa o outro em um lugar onde ele talvez não mais pertença, o outro se decepciona e não se sentindo acolhido e compreendido, se afasta. A ação de exercitar uma escuta saudável que proponho aqui no dia-a-dia entre membros familiares e amigos ou pessoas próximas, é algo que não é terapia caseira mas que pode exercer um efeito terapêutico benéfico em quem num dado momento de sua vida precisa ser envolvido em uma rede de proteção e ajuda, afinal todos nós em alguma circunstância já nos vimos em momentos de vulnerabilidade e confusão.

Os benefícios do exercício da escuta são evidentes, estes são a melhoria das relações em geral reduzindo mal-entendidos na comunicação, pois apenas através da escuta apurada é que conseguimos enxergar a real perspectiva do outro e conseqüentemente nos colocarmos de maneira mais apropriada e justa na situação em questão; mas não há como colher bons frutos numa horta onde não houve uma boa semeadura, isto é, a escuta é um exercício que deve ser praticado.

O orgulho, outro fator que atrapalha a escuta, lança o outro sempre no patamar do defeituoso, impróprio, complexado, afinal de contas o sujeito orgulhoso se sente infalível, se comportando como um tanque blindado que sem tato passa por cima de tudo e de todos. Para este indivíduo que protege suas inseguranças com este escudo chamado orgulho, ter de escutar é como uma tortura, pois escutar significa trocar, conceder, relevar, aprender algo novo e se doar.

É sinal de fortaleza aquele que expõe suas fraquezas e sabe pedir ajuda, covarde é o que banaliza, critica ou reprime a tentativa do outro em se aproximar. Quando nos doamos para ouvir verdadeiramente o outro estamos contribuindo para diminuir o descrédito alheio, a distância entre as pessoas e a desconfiança tão impregnada em nossa sociedade traumatizada por guerras, violências e o individualismo cada vez mais extremado.

Quando ouvimos o outro não estamos perdendo, muito pelo contrário, estamos ganhando experiências e sabedoria, quem ouve mais aprende mais e muito! Ao ouvir aprendemos a nos relacionar com saúde e assim praticamos algo que de fato nos trará felicidade: o prazer da troca, da generosidade e de fazer o bem.

Quando foi a última vez que você, de verdade, ouviu alguém?

"Eu não procuro saber as respostas, procuro compreender as perguntas."
Confúcio ou Kung-Fu-Tze - Filósofo Chinês


Texto: Dipl.- Psych. Andreia Barreto de Miranda
Berufsverband Deutscher Psychologinnen und Psychologen-Mitglied

Copyright: Andreia Barreto de Miranda (concedeu autorização de publicação para brasileiros-na-alemanha.com)

Este texto só poderá ser reproduzido ou traduzido (completo ou em parte) com autorização da autora e do site Brasileiros-na-alemanha.com. A divulgação DO LINK para este artigo está liberada.

Os temas e opiniões publicados nesta coluna são de responsabilidade da autora, não refletindo necessáriamente a opinião do portal Brasileiros-na-Alemanha.com

You have no rights to post comments

Variados...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - LEGOLAND

Para fechar com 'chave de ouro' nosso 'top 10' de parques te...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - BELANTIS

Uma viagem através dos mitos e aventuras é o que promete o p...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - HANSA PARK

Um grande parque temático à beira do mar Báltico é o Hansa-P...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - SERENGETI PARK

Para os fãs da vida selvagem o parque ideal é o Serengeti Pa...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - HEIDE PARK

Na Baixa Saxônia ainda há um destaque para os viciados em ad...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - MOVIE PARK GERMANY

Na Alemanha também existe um parque temático cujo assunto gi...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - PHANTASIALAND

Mais ao norte do país pode-se encontrar um toque de África,...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - HOLIDAY PARK

No estado da Renânia-Palatinado também existe um parque temá...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - TRIPSDRILL

No estado de Baden-Württemberg, sul da Alemanha, fica o parq...

10 melhores parques temáticos...

21 Agosto 2016
10 melhores parques temáticos na Alemanha - EUROPA PARK

O maior parque de lazer na Alemanha está localizado no sul d...

[VIDEO] ATUALIZADO: Episódios...

14 Janeiro 2016
[VIDEO] ATUALIZADO: Episódios do "Frauentausch" com participantes brasileiras

[Artigo atualizado em 15.1.2016]Episódio 444 (novo) - quinta...

1963: o ano em que o Lago de C...

12 Janeiro 2016
1963: o ano em que o Lago de Constança congelou completamente

O Lago de Constança está localizado em uma das regiões mais...

Guten Rutsch, Viel Glück und F...

31 Dezembro 2015
Guten Rutsch, Viel Glück und Frohes Neues Jahr: Os símbolos de sorte na Alemanha

Você já ganhou, presenteou ou viu em lojas de presentes aqu...

Mapa com mais de 850 Mercados...

25 Novembro 2015
Mapa com mais de 850 Mercados de Natal na Alemanha

Os Weihnachtsmärkte (Mercados de Natal) são uma tradição nat...

O Natal na caixa de sapatos...

02 Novembro 2015
O Natal na caixa de sapatos...

Como tudo começou... Você conhece a campanha "Weihnachten im...

Oktoberfest: O que diz o laço...

27 Setembro 2015
Oktoberfest: O que diz o laço do Dirndl?

O tradicional vestido utilizado na Oktoberfest e outras fes...

Oktoberfest: "O'zapft is!...

21 Setembro 2015
Oktoberfest: "O'zapft is!"  O zap... quê???

Logo após um pequeno passeio de carruagem, onde os anfitriõ...

Onde tem mais empregos na Alem...

30 Julho 2015
Onde tem mais empregos na Alemanha?

 Cerca de 523 mil novos empregos foram criados em julho [201...

Sou estrangeiro, quero trabalh...

22 Julho 2015
Sou estrangeiro, quero trabalhar na Alemanha

Eu sou estrangeiro e gostaria de trabalhar na Alemanha. Qua...

Novo passaporte brasileiro ser...

14 Julho 2015
Novo passaporte brasileiro será lançado no exterior

O Ministério das Relações Exteriores publicou em sua fanpag...