Nosso website utiliza cookies para tornar a sua visita mais eficiente. Sem eles algumas áreas como menus, blocos ou slideshows não poderão ser exibidas.

Esta tal felicidade...

Já foi traduzido em dezoito países e está sendo adaptado para o cinema. Bom saber que o ser humano ainda emprega tempo para curtir um tema do gênero. Estes números atestam a importancia que tem a nossa sede de felicidade e a procura que empreendemos durante toda a nossa vida para encontrá-la. O protagonista Hector, um jovem psicanalista, decepcionado por não entender as queixas de seus pacientes, aparentemente sem motivos para se considerarem infelizes, decide fazer uma viagem pelo mundo para descobrir o que faz as pessoas felizes. Em busca de outras culturas e modos de vida diferentes, ele visitou velhos amigos e encontrou novas amizades, sempre questionando: “Você é feliz?” ou ainda “O que é a felicidade para você?”:

Adorei a leitura e fui fazendo um resumo das experiências de Hector, com o intuito de escrever algo a respeito. O rascunho ficou meses no meu arquivo até que recebi, em agosto último, pelo meu aniversário, exatamente este livro de presente! Ai pensei: não pode ser somente uma coincidência, tenho que escrever a respeito! Repito que li a obra em alemão e a tradução abaixo foi por conta própria, podendo não coincidir com a tradução “oficial” do livro publicado em portugues. Eis as constatações de Hector:

1- Fazer comparações pode ser um bom meio de estragar a própria felicidade.

2- A felicidade vem, às vezes, de forma inesperada.

3- Muitas pessoas enxergam sua felicidade somente no futuro.

4-Muitos pensam quer ser feliz significa ser rico e ter poder.

5-Às vezes, ser feliz consiste em simplesmente não entender algo.

6- Felicidade pode ser apenas um bom passeio em belas e desconhecidas montanhas.

7-É um engano pensar que a felicidade é o objetivo.

8-Felicidade é estar no meio das pessoas que amamos. Infelicidade é termos de nos separar delas.

9-Felicidade é nao faltar nada à familia.

10-Felicidade é gostar do trabalho que se faz.

11- Felicidade é ter uma casa e um jardim.

12-Felicidade é algo difícil quando se vive em lugar governado por pessoas ruíns.

13-Felicidade é sentir-se útil aos outros.

14- Felicidade consiste em ser amado do jeito que somos.

15-Felicidade é sentir-se vivo.

16- Felicidade é poder festejar algo.

17- Felicidade é pensar na felicidade das pessoas que amamos.

18- ( Aqui ele escreveu algo do qual se arrependeu e retirou da lista, pois teve medo que a namorada lesse: felicidade é amar mais de uma pessoa ao mesmo tempo!! Em sua viagem à China, ele se apaixonou por uma nativa com quem viveu uma bela e curta aventura amorosa.

19-O mar e o sol são a felicidade para todos.

20- Felicidade é um modo de ver as coisas.

21- Rivalidade é um veneno contra a felicidade.

22-As mulheres se preocupam mais com a felicidade dos outros do que os homens.

23-Significa a felicidade que temos que nos preocupar com a felicidade dos outros??

Eu me identifico com muitas destas respostas, mas no geral, acredito mesmo que a felicidade completa e irrestrita não é algo possível nem mesmo absolutamente recomendável, pois se tudo estivesse sempre em ordem e perfeita em harmonia com que iríamos nos alegrar? Por esta razão, minha mãe sempre diz que o homem é o bicho mais complicado que existe e tenho que lhe dar razão...

Se tivermos metas claras, tipo viver com menos ansiedade, cultivar bons amigos, não alimentar ódios e rancores, cuidar da alma e do corpo com igual empenho e interesse, ficará mais fácil ter esta sensação de harmonia interior e consequentemente sentir-se feliz e satisfeito consigo mesmo.

Ainda diria que felicidade combina mais com sermos normais, admitindo falhas e fraquezas e aceitando também ajuda ao invés de negarmos o sofrimento, quando as circunstancias da vida não nos são favoráveis.

Depois da viagem, para concluir sobre o livro, Hector se sentiu mais fortalecido para retornar e ajudar seus pacientes, aplicando as lições aprendidas.

Posso dizer que a maioria de nós deve ter muito mais para agradecer do que para lamentar e, neste exato momento, aqui e agora me sinto infinitamente feliz. Convido a todos para estender a reflexao, escrevendo abaixo o que seria felicidade. Não precisa ser nenhum relatório, apenas em uma frase, seguindo o modelo de Francois Lelord, aliás Hector...


Copyright: Claudia Sampaio
Foto: Claudia Sampaio
Reprodução ou tradução: entre em contato com nosso portal.

A divulgação do LINK para este artigo está liberada.

Os temas e opiniões publicados nesta coluna são de responsabilidade da autora, não refletindo necessáriamente a opinião do portal Brasileiros-na-Alemanha.com

You have no rights to post comments

Top